sábado, agosto 06, 2011

A Abundância e a Prosperidade Ativa

Uma mensagem de Jennifer Hoffman
11 de Julho de 2011


Podemos viver passivamente, esperando que as coisas aconteçam ou que fiquem melhores, ou usarmos ativamente as nossas habilidades de manifestação para criarmos a realidade que queremos no momento seguinte, não importa o que pareça estar acontecendo neste momento. Nossa vida pode ser uma vida de abundância ativa, onde estamos em um estado constante de recebermos milagres sem esforço a cada dia, ou de abundância passiva, onde parece que conseguimos o que queremos após muita dificuldade, no último minuto, recebendo em grande parte o que não queremos ou nada, sob qualquer condição. A escolha da abundância ativa ou passiva é nossa e os resultados de nossas escolhas serão refletidos em nossa realidade.
A palavra abundância traz imediatamente à mente o dinheiro e termos tudo o que queremos (até aquelas coisas que achamos impossíveis). Se tivéssemos abundância, não teríamos muito dinheiro e toda a nossa atual carência seria substituída por coisas que nos trouxessem alegria? A abundância existe em todas as coisas, incluindo o que queremos e o que não queremos. Não podemos julgar a abundância porque é um princípio universal. Se não temos dinheiro, então temos uma abundância de carência. Se nós somos infelizes então temos uma abundância de tristeza. Nossa vida reflete a abundância que criamos a cada momento e temos a abundância em tudo, incluindo problemas e o caos. Se este for o estado de nossa realidade, então estamos manifestando através das crenças que criam aquelas coisas. A lei Universal não julga entre criação consciente e inconsciente, ela simplesmente responde a nossa energia e a nossa intenção.
Quando nos envolvemos na abundância ativa, usamos o poder de nossos pensamentos para nos concentrarmos constantemente no que queremos em nossas vidas. E não importa como a nossa realidade pareça no momento, sabemos que ela pode ser mudada. Para criarmos a abundância no que consideramos como coisas “boas”, devemos ser ativos no processo e isto inclui estarmos dispostos a confiarmos e a termos fé enquanto nos concentramos no que queremos, ou atravessamos as portas que se abrem para nós. Ao sermos passivos neste processo, esperando que as “coisas boas” aconteçam, nos trarão resultados que podem não ser exatamente o que queremos.
Esta semana, considerem o tipo de abundância que vocês têm em sua vida agora. Se for alegria, paz e amor incondicional, isto é maravilhoso. Se não, qual é a sua intenção para a sua vida e o que vocês estão fazendo para se tornarem um participante ativo no processo de criar a abundância? Lembrem-se de que a abundância não se refere ao dinheiro; trata-se de estar no fluxo de toda a alegria, a paz, o amor e outras coisas maravilhosas e satisfatórias que vocês querem em sua vida. Devemos ser participantes ativos no processo de abundância, a fim de manifestá-la em nossas vidas, o que significa concentrar a nossa atenção no que queremos, e atravessemos destemidamente as portas que se abrem para nós. Pratiquem a abundância ativa e vocês manifestarão os milagres que merecem e desejam.

A PROSPERIDADE ATIVA

Nosso nível de prosperidade reflete a abundância que estamos recebendo, porque elas estão relacionadas. A abundância é um estado de ser que determina o que receberemos e nós então prosperamos em qualquer nível e tipo de abundância que estamos criando. Como a abundância, nós somos sempre prósperos, mas isto não significa que temos tudo o que queremos. Com a abundância nós determinamos a nossa intenção, com a prosperidade nós recebemos a abundância relacionada a nossa intenção. A lei da prosperidade é sem julgamento e sem emoção; ela simplesmente responde aos nossos pensamentos, energias e palavras. Estamos sempre em um estado de prosperidade, recebendo os resultados de nossos pensamentos e palavras, todos os dias. E podemos aprender a usar a lei da prosperidade para criarmos a vida de nossos sonhos, uma vez que compreendamos que ela meramente responde ao que estamos, ativa ou passivamente, criando.
Quando prosperamos, nós recebemos mais de alguma coisa. Embora liguemos prosperidade à riqueza, ela não tem nada a ver com o dinheiro. Para utilizarmos os melhores aspectos da prosperidade, nós temos que nos conectar com a crença de que merecemos, para termos o que desejamos. O Universo nunca nos diz que não podemos ter algo, mas ele não pode nos dar mais do que pedimos, ou mais do que acreditamos merecer. Não importa quanta abundância estabelecemos como intenção, nossas crenças, pensamentos, palavras e ações determinam se ou não, esta se tornará parte de nossa realidade. E nós prosperaremos em tudo o que pudermos receber, o que poderá não corresponder ao que queremos.
Podemos ser ativamente prósperos, garantindo que estamos recebendo o que queremos, ou passivamente prósperos, achando que porque não temos o amor, a alegria, as bênçãos financeiras ou a paz que queremos, que somos pobres, indignos e sem esperança. Sentimo-nos então impotentes para criarmos as mudanças que permitirão novos níveis de prosperidade, para que se tornem nossos. Alguns tipos de prosperidade, tal como a carência, nos fazem sentir desconfortáveis. Outros tipos de prosperidade, tal como a abundância financeira, torna-nos felizes. O fluxo da prosperidade é dinâmico e fluido, mas isto também depende de nossa habilidade para permanecermos neste fluxo, sem limitá-lo, sabotá-lo ou bloqueá-lo. Nosso nível de prosperidade depende de nossa intenção para a abundância.
Abordamos a prosperidade do ponto de vista da carência e menos carência, mas realmente trata-se de observar o tipo de prosperidade que estamos criando. Quando nós começamos a partir do ponto da compreensão que temos sempre prosperidade, nós podemos então nos concentrar no que estamos criando, no nível em que queremos estar e mudarmos as intenções, os pensamentos e crenças sobre a abundância que permitirão que novos níveis de prosperidade fluam para nós. Quando quisermos mudar o tipo de prosperidade que estamos recebendo, nós deveremos estar dispostos a deixar ir o que já não mais precisamos ou queremos. Quais pensamentos, sentimentos, crenças ou julgamentos sobre si mesmo e os outros, vocês podem deixar ir, a fim de mudar o tipo de prosperidade que estão recebendo? Tornem-se ativamente prósperos e vocês verão as mudanças se manifestarem em sua vida, e a prosperidade que vocês desejam, será criada.



Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br
Direitos reservados © 2004,2005, 2006 para Jennifer Hoffman. Todos os direitos são reservados. Todo o material desta página está protegido pela lei dos direitos internacionais dos Estados Unidos da América e não podem ser parcialmente o integralmente reproduzidos sem a permissão escrita e expressa da autora. Todas as reproduções autorizadas, parciais ou em cópias, por inteiro ou em parte, devem fazer referência ao nome da autora e ao website de Curas Uriel


Fonte: http://fraternidadebranca-luzdanovaera.blogspot.com/2011/08/abundancia-e-prosperidade-ativa.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. Obrigada.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...